Câmbio – Automático | Automatizado | Manual

transmissão-automatica-manual-planet-car

O que os câmbios automáticos, automatizados tem em comum?

Será que compensa trocar o Manual que permite maior controle do veículo ou por um câmbio CVT que traz conforto e economia, porém sem o entusiasmo das trocas de marcha?

Talvez continuar com o tradicional e padrão automático com conversor de torque que une o conforto, com significativa economia de combustível (em determinados modelos) e cada vez mais presente nos veículos novos.

Cada modelo possui suas vantagens e desvantagens, é isso que mostraremos nesse artigo para lhe ajudar a decidir qual o melhor para você.

Quando pensamos em câmbio manual, muito torcem o nariz para tal, porém há quem goste (não são poucos) e que apreciam e não trocam a sensação de ter controle total das rotações por um câmbio CVT, que é totalmente voltado para o conforto e economia, pois não existem trocas “físicas”, apenas simulando com o uso de 2 polias.

Confira mais sobre esse funcionamento em nosso artigo completo sobre câmbio CVT.

Câmbio – Automático | Automatizado | Manual

Transmissão do veículo

O câmbio ou sistema de transmissão, é um dos conjuntos mais importantes do carro, trabalhando diretamente com o motor.

O câmbio é responsável por permitir o fornecimento de energia do motor para as rodas, fazendo com que o carro se locomova.

Existem 3 tipos de transmissão, a automática, automatizada e a manual, e cada uma delas é composta por itens diferentes, e funcionam de maneiras diferentes.

Entretanto, no final nas contas, todos tem o mesmo objetivo.

Como funciona o câmbio manual?

O câmbio manual funciona com uma caixa de marchas que conta com um determinado número de velocidades, em geral, 5 ou 6 para frente e 1 ré.

A seleção da marcha é feita manualmente após o acionamento do pedal da embreagem, utilizado para desconectar o motor do câmbio.

As marchas são engatadas por meio de engrenagens que são deslocadas pelo movimento direto da alavanca no interior do carro.

Sem a progressão das marchas, o motor seria restrito até determinada rotação por minuto, normalmente os veículos “cortam giro” entre 6500 e 7000 giros para proteger o motor do desgaste excessivo e altas temperaturas.

Sem contar o consumo de combustível, que é consideravelmente maior em altas rotações, podendo se economizar até 50% em trajetos de rodovia, dependendo da RPM do motor.

A função das relações da transmissão é multiplicar e dividir o torque do motor.  

câmbio-Automático-Automatizado-ou-Manual-planet-car-seminovos
Caixa de Câmbio Manual

É preciso lembrar que existe a rotação do motor e a rotação final, que é transmitida do câmbio para as rodas.

Quando engatado em 1ª marcha,  significa que o motor gira mais vezes do que a rotação final.

Ou seja, a força está sendo multiplicada. Na 5ª marcha, o motor está em menor rotação do que o câmbio.

Isso indica que a força é menor, mas a velocidade, maior.

Veículos com esse conjunto de câmbio manual representam a grande parte dos que estão em circulação em nosso país.

Isso vem mudando com as tantas opções de carros 0 km automáticos com valores mais acessíveis.

Câmbio – Automático | Automatizado | Manual

Como é o funcionamento do câmbio automatizado?

O câmbio automatizado tem o funcionamento muito parecido com o tradicional câmbio manual, e os mesmos componentes, como a embreagem e a caixa de marchas. 

Entretanto, existem sensores que verificam continuamente as rotações do motor e enviam sinais para os atuadores, realizando as mudanças de marchas automaticamente.

De maneira mais clara, é como se um robô apertasse o pedal da embreagem e selecionasse a marcha na alavanca.

As montadoras Fiat, Volkswagen, Chevrolet e Ford já produziram esse tipo de câmbio, são eles respectivamente:

  • Dualogic

dualogic-câmbio-Automático-Automatizado-ou-Manual-planet-car-seminovos

  • iMotion

imotion-dualogic-câmbio-Automático-Automatizado-ou-Manual-planet-car-seminovos

  • Easytronic

easytronic-imotion-dualogic-câmbio-Automático-Automatizado-ou-Manual-planet-car-seminovos

  • PowerShift

powershift-easytronic-imotion-dualogic-câmbio-Automático-Automatizado-ou-Manual-planet-car-seminovos

Para um desenvolvimento melhor do câmbio automatizado, existe o de dupla embreagem, com trocar rápidas, praticamente imperceptíveis, melhorando consideravelmente a aceleração.

Nesse sistema, dois discos de embreagem trabalham em conjunto, engatando as marchas seguintes e reduzindo os intervalos e os trancos na hora da troca.

As marchas pares e a ré ficam sob o controle de uma embreagem e as ímpares ficam com a outra.

Além do custo de aquisição menor, a manutenção também costuma ser mais em conta, pela facilidade ao encontrar peças e disponibilidade de mão de obra.

Este modelo de  câmbio não causa grande impacto no consumo de combustível.

Câmbio – Automático | Automatizado | Manual

Como funciona o câmbio automático?

O câmbio automático funciona com componentes especialmente projetados para sua função.

A transmissão automática foi desenvolvida para superar o problema de descontinuação de potência na transmissão manual e usa um arranjo de conjunto de engrenagens planetárias em vez de um par de engrenagens simples.

É possível verificar que um conjunto de engrenagens planetárias tem duas entradas e uma saída.

transmissao-automatica-planet-car
Caixa de Transmissão Automática

O princípio básico da transmissão automática é simples, basta varias essas duas velocidades de entrada e terá diferentes velocidades de saída.

Para alcançar esse objetivo, é introduzido mais um conjunto planetário, a saída do segundo conjunto, é conectada com uma das entradas do primeiro conjunto.

O portador do segundo conjunto e o anel do primeiro conjunto são uma única unidade, isso forma um mecanismo automático e simples.

Quais as principais diferenças entre esses sistemas?

Embreagem

  • Manual: acionada por pedal. 
  • Automatizado: acionada por atuadores hidráulicos.
  • Automático: no lugar da embreagem existe o conversor de torque.

Número de marchas

  • Manual: 5 a 6
  • Automatizado: 5 a 6
  • Automático: 4 a 10

Tipo de engrenagem no câmbio

  • Manual: Seção de entrada, intermediário e saída com dentes helicoidais
  • Automatizado: Seção de entrada, intermediário e saída com dentes helicoidais
  • Automático: engrenagens planetárias.

Vantagens de cada modelo:

Manual 

  • Fácil reparo
  • Baixo custo
  • Mecanismo simples
  • Permite maior controle do veículo

Automatizado

  • Mais confortável do que o manual.
  • Manutenção mais simples, se comparado com o automático.
  • Preço mais acessível do que o automático.

Automático

  • Maior conforto em trânsito intenso
  • Movimento suave
  • Permite que o motorista se concentre mais no trânsito.
  • Trocas de marcha imperceptíveis.
  • Fluxo de potência constante

Desvantagens:

Manual 

  • Cansativo para motoristas que dirigem por muitas horas seguidas
  • Consumo de combustível elevado em trocas de marchas feitas de forma inadequada em altas rotações do motor

Automatizado

  • Há um leve atraso nas mudanças de marcha, dependendo do modelo.
  • Podem ser sentidos alguns trancos nas trocas de marchas, principalmente em aclives se o sistema não estiver operando normalmente

Automático

  • Preço elevado, se comparado com o manual.
  • Exige manutenção especializada.
  • Consumo de combustível levemente maior por haver o conversor de torque, gerando calor e diminuindo a eficiência energética.

Faça uma visita a Planet Car e saia de carro novo. Clique aqui e entre em contato conosco.

Quer saber mais sobre carros? Fique por dentro de todos os nossos artigos no Blog

 

planet-car-atendimento-online

One thought on “Câmbio – Automático | Automatizado | Manual

  1. Pingback: Como dirigir com câmbio automático? - Planet Car

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.